quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

QUASE ANO NOVO

Ah! Desculpe-me quem gosta de me ler, mas é que o Warehouse escreveu tudinho que concordo, aí em vez de reescrever com outra roupagem e palavras eu simplesmente mandei um Ctrl+C e depois um Ctrl+V e agora vc pode ler o que ele escreveu e eu concordo:

Faça do seu, um Réveillon diferente em 5 passos.


1º - Abandone aquela parada clichê de usar branco:
Sinta-se a vontade para botar aquela camiseta preta surrada da sua banda favorita (recomenda-se principalmente aquelas bem sinistras e sangrentas de Death Metal). Ou pode optar também por uma com uma cor bem cheguei, bem gritante; Amarelo-canário, azul-calcinha, verde-catarro ou o bom e velho vermelho-tragédia. A cor que lhe agradar mais, se preto-heavy metal não for a tua praia.


2º - E falando em praia, abandone aquela parada de réveillon na praia:
Esqueça aquela mania que as pessoas têm de ir passar a virada na praia. Aquele aglomerado de gente descalça (a não ser é claro pelas moças que inventam de por salto alto pra pisar na areia!), bebendo espumante, e jogando oferendas para Iemanjá. Tenho o maior respeito do mundo por todas as crenças, mas não acho legal a ideia de ficar jogando coisas no mar, que já tem lixo suficiente. Na moral, se o que você quer é ver os fogos, não esquenta, dá pra ver de outro lugar, o céu tá em toda parte. Faça diferente dessa vez, escolha um lugar mais interessante, único, um que seja mais a sua cara.


3º - E falando em espumante, abandone essa parada de champanhe:
Beber champanhe no réveillon é meio que tradição. E se você, como eu, não é de seguir tradições e não faz ideia porque esta do espumante existe, vá beber o que lhe agrade mais. Tem tanta coisa melhor pra beber, tanta coisa mais gostosa, mais alcoólica. E convenhamos, champanhe é só mais um rostinho bonito, só tem visual, não é lá aquelas coisas. Sou muito mais uma cerveja bem gelada, um gin daqueles que esquentam o peito inteiro num só gole, álcool é comigo mesmo.


4º - Abandone aquela parada de fazer promessas:
Nem pense nas famosas listas de promessas de fim de ano. As pessoas têm um ano inteiro para fazer coisas, prometer coisas e cumpri-las, por que apenas no fim do ano resolvem por à mesa aquilo que fizeram, querem fazer, precisam fazer e devem deixar de fazer? Você sabe o que andou fazendo de errado e se quer parar de se enganar e de se fingir de cego, simplesmente pare de fazer. Não fique prometendo coisas, pois se você não conseguir cumpri-las é fracasso e conquistas não previstas serão sempre 100% lucro.


5º- Abandone aquela parada de se obrigar:
- Tome coragem e diga às pessoas a verdade, deixe de aturar aquilo que elas fazem com você que você odeia mas sempre aguentou calado. Deixe-as saber quando você gosta delas e quando você não as suporta.


- Não se segure se estiver morrendo de vontade de encher a cara de cerveja (ainda mais quando todos seguram com os dedinho levantado suas taças de champanhe de merda), beba mesmo e com vontade. Afinal, tem ocasião melhor pra se embebedar do que festa?


- Chega de se matar nesse emprego que não faz sentido algum na sua vida, vá atrás do que realmente lhe faz bem, vá fazer aquilo que lhe dá prazer, aquilo para o qual você veio ao mundo. Ocupe seu tempo fazendo coisas que seu corpo pede e sua alma deseja.


- Viaje! Vá conhecer lugares novos, novos ares, pessoas diferentes, não há dinheiro mais bem investido que aquele que você gasta viajando (conheça primeiro seu próprio país, você pode ser surpreendido). E acima de tudo, não há dinheiro no mundo que pague as experiências que se obtém numa trip daquelas.


- Não faça o que não gosta e não quer. Faça tudo aquilo que tiver vontade, cada pequena e idiota coisinha que te der na telha. Quer pular de bungee junpping? Então pule! (apesar que esse é um desejo radical um tanto ultrapassado e nem tão radical assim). Escreva um livro, plante uma árvore, tenha um filho (de preferência, adote), pois aqui todos os clichês são permitidos, tudo o que quiser fazer é permitido.


- Ame loucamente, desesperadamente, absurdamente, e todos os mentes que lhe vierem à cabeça. Permita que seus sentimentos aflorem, nunca os reprima. Ame as pessoas, ame as plantas, ame os animais (até os que têm muitas pernas e os que têm pele gosmenta e fria)! Ame muito e faça muito amor, do jeito que gosta de fazer, com quem gosta de fazer, em lugares que já fez e principalmente nos que nunca fez. Amar é tudo, é para isso que existimos, pode crer!


Opa, peraí!


O 5º passo parece uma lista, não? E o que eu disse sobre listas de promessas? Ah, sim. Pois não é, não é uma lista de promessas, não é um clichê de fim de ano. O 5º passo não é pra prometer nada, é pra fazer. Não é pro reiveillon não, é pro ano todo, pra vida inteira. E acima de tudo o 5º passo é o de minerva. Ele se sobrepõe a todos os outros, pois nele você se permite fazer tudo o que quer fazer. Nele você pode ser clichê sim e daí? Nele você pode usar branco, passar o réveillon na praia, beber champanhe e fazer promessas, desde que isso seja o que você quer fazer.
Os quatro primeiros passos são opiniões minhas, ou seja, não têm importância alguma para ninguém. A não ser para mim, é claro. Pois é assim que meu réveillon vai ser, é assim que eu quero que seja, é assim que faço o que eu quero fazer.

NOTA DA LUA: Que 2011 nos traga, ao menos, Esperança.
E  como deixei de comentário no blog dele, respondendo de baixo pra cima, como é meu costume:
4. não costumo fazer promessas, prefiro agradecer;

3. Champã não é mesmo minha paia, cerveja sim e vou virar com ela;
2. Vou ver fogos na praia, sem salto 15 e sem ser na areia, sou nojenta mesmo e vejo da varanda do ap de rasteirinha;
1. O branco vou usar esse ano, mas já usei amarelo, vermelho, verde, azul... É que ganhei uma roupa linda no natal q vou usar no revê.
O 5 item vou ficar me devendo algumas coisas, mas não no quesito viagem, pois me propuz a conhecer "meu" Brasil que amo todinho antes de cruzar o Atlântico. E posso te afirmar que conheço uma grande parte dele. Morei no RJ, SP, RO, MS, SC, conheço MG de cabo a rabo, andei de carro pelo nordeste por 25 dias e tals... VIAJAR É DUCARAI!!! Pq o Brasil é lindo e especial, além de ser MINHA TERRA.


OBS: Foto ilustrativa achada na net. Desconheço a autoria.

4 comentários, falta o seu:

Myriam disse...

Quando se tem coragem de expor tudo o que todas as pessoas pensam, mas não falam...merece aplausossssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss!!!! FELIZ ANO NOVO BABY!!!!

Wladimir disse...

Lua (e Warehouser)

Perfeito.

Eu tomo cerveja e não champagne. Nunca vesti branco nessa época. Aliás, tô quase sempre de preto e pra mim é um dia como outro qualquer. Há três meses pedi demissão de um emprego idiota com um patrão imbecil. Nunca faço promessas pra não me sentir pressionado depois. Animais pra mim são amigos, não comida. A única coisa que eu não faço mais dessa "lista" é amar loucamente. Enchi o saco. Hehehehe. Boa virada de ano pra ti, pro Ware, pro William, enfim, pra nós.

Beijo do Wladi

O Warehouser disse...

Fico muito, muito feliz que tenha gostado. Te conhecer esse ano foi um ACHADO!

Um ano novo incrível para você! Repleto de tudo aquilo que você, como não cansei de dizer no texto, QUER FAZER! Feliz 2011! Um Beijão!

O Warehouser disse...

Huahuahua, agora que vi a imagem! Adorei! Que a nossa virada seja regrada a muita cerveja! ;)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...