terça-feira, 2 de dezembro de 2008

LUZ


A água lavou os olhos do meu povo.
O povo precisa responder com sua luz.

Passei os últimos dois meses olhando para o céu e para a terra. Pensando em quanto tempo duraria aquela briga de titãs, pensando em quem seria o vencedor. E em algumas horas tudo se arrebentou: de vidas a anos de trabalho, de família a animais de sustento ou estimação.

A água mudou o perfil de um povo, mudou a geografia de cidades, mudou tudo dentro de nós. A água que vinha dos céus agora corre pelos olhos num caudal infinito, por infinita ser, nesse momento, a dor de alguns seres humanos.

Mas esses homens e mulheres do sul são feitos de boa cepa, fortes e corajosos. Seus avós e bisavós fugiram da morte pela fome, vieram e venceram. Sei que eles vencerão! Sei que venceremos!

Hoje antes de dormir fui até a varanda do meu quarto e tive uma bela visão de um prédio em frente ao meu e a despeito de toda dor que passamos esses dias, ele está com todas as varandas com aquelas luzinhas natalinas. Fiquei olhando emocionada. Acho que nesse ano mais do que nos anteriores estaremos precisando de luzes de Natal. Muitas luzes! A cidade toda iluminada! Para que tenhamos uma luzinha para cada lágrima derramada.

Se você que está me lendo agora morar em uma das cidades que foi destruída pelas águas no sul do Brasil, acenda luzes natalinas na sua janela. Uma para cada lágrima que nosso povo chorou.

Se você não mora nas cidades destruídas, acenda uma luz por cada lágrima que derramamos, porque nossos mortos não voltarão, nossos bens foram perdidos, nossos animais não mais nos acompanharão, mas nossa fé estará em cada luz natalina que for acesa.

Que tenhamos todos um Natal de luz.


Que assim seja
Que assim se faça

Melanie
02/12/2008

6 comentários, falta o seu:

blue velvet disse...

lua querida..que texto lindo , sensivel..a cara de um povo.
ai lov tumati

Lua Nua disse...

Blue querida,
Não sou muito boa em fotos e a que tirei ficou medíocre para os seus parâmetros de excelente fotógrafa, mas gosto de palavras e principalmente de por sentimento nas palavras.
mituu

W. disse...

Bastante entristecido com o que aconteceu aí na região, mas feliz por saber que você está bem e que nada lhe aconteceu. Saudades! Muitos, muitos beijos!!!

Mariposo-L disse...

Moçaaa, cadê você ?????
bom passei por aqui para desejar a você e familia e filhotes :)
Um super hiper Feliz Natal , com muita , saude, paz e amor !!! para o resto agente dá um jeito !!!

Beijos !

Mariposo-L disse...

Amigaaaaaaa cadê vc ...manda sinal de fumaça, estou com saudades :)

bjs

Cris disse...

Lua, duas coisas:
Uma, vc está em Santa ou no Rio?
(pqeu to aqui pertinho de novo, no PR, e cheguei a ver o estrago das enchentes em Camboriu, minha famila tem casa la)
Dois: eu tô procurando um texto, que caho que vi aqui no seu blog. Quer dizer, nao é seu, tinha o nome da menina que comentou, acho que é Amanda, daí eu fui lá fuçar no blog dela, achei um texto lindo.
Será que é daqui?
Pior que eu nem lembro se é esse mesmo o nome da menina. Ja cliquei num outro comentario de outra moça, mas nao era o aquele site.
beijos
(vou continuar procurando)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...